Como Declarar Imposto de Renda 2020

O Imposto de Renda de Pessoa Física é um dos impostos que mais assusta os brasileiros pela sua dificuldade de declaração para aqueles que vão declarar pela primeira vez e pelas taxas cobradas em função dos valores recebidos durante o ano.

Este imposto é obrigatório para os cidadãos brasileiros ou imigrantes que atendam a alguns critérios. De forma sucinta, a declaração do imposto de renda nada mais é do que uma lista dos bens adquiridos pelo indivíduo e que serão transformados em dados disponibilizados ao governo para o cálculo da tributação referente aqueles bens e para que se possa reverter o valor em investimento no pais.

Quem deve declarar

QUEM DEVE DECLARAR O IMPOSTO DE RENDA 2019Para ser obrigatório a declaração do imposto de renda, o cidadão brasileiro ou imigrante deve se enquadrar nos seguintes critérios:

  • Cidadão brasileiro que arrecadou valor maior que R$28.559,70 em rendimentos tributáveis no ano – incluindo bens como imóveis e veículos;
  • Cidadão brasileiro que arrecadou bens não tributáveis acima de R$40.000,00 durante o ano;
  • Cidadão brasileiro que realizou operações em bolsa de valores, ou de mercadorias;
  • Cidadão brasileiro que optou por isentar o imposto sobre a renda de venda de algum bem localizado em território nacional;
  • Cidadão brasileiro que teve ganhos de capital sobre a alienação de bens e direitos;
  • Cidadão brasileiro que arrecadou renda bruta anual maior que R$142.998,50;
  • Cidadão brasileiro que possui bens de valor superior ou igual a R$300 mil até o dia 31 de dezembro de 2019.
  • Imigrantes que se mudarem para o Brasil depois do dia 31 de dezembro de 2018 também estão sujeitos a fazer esta declaração se atenderem aos critérios acima.

Onde Declarar

Antes de preencher a declaração, é necessário ter em mãos os documentos:

  • Extrato da renda (como holerite);
  • Benefícios, aposentadorias e pensões (neste caso podem ser debitadas no INSS);
  • Recibo de eventuais doações;
  • Documentos dos bens (propriedades, veículos, empresas por exemplo);
  • Documentos de identificação (CPF, RG, dados da conta bancária e outros).

Se tiver todos os documentos acima, siga os passos abaixo para fazer sua declaração:

  1. Acesse o site oficial da Receita Federal através do link http://receita.economia.gov.br/interface/cidadao/irpf/2019/download;
  2. Solicite o download do programa para fazer a operação pelo site e instale-o em seu computador;
    Imposto de Renda
  3. Depois de instalado, abra o programa e clique em “Criar nova declaração”;
    Imposto de Renda
  4. Selecione a opção “Declaração de Ajuste Anual” e preencha os dados solicitados;
    Imposto de Renda
  5. Novas fichas serão abertas solicitando seus dados pessoais;
    Imposto de Renda
  6. Na tela seguinte, escolha a opção “desconto de 20% de dedução para rendimentos tributáveis” ou “declaração completa”, que permite todas as deduções legais;
    Imposto de Renda
  7. Na etapa seguinte, será solicitada a inclusão de dependentes, como filhos, pais e conjugue;
    Imposto de Renda
  8. O próximo passo pede a inclusão de dependentes para os quais há obrigação judicial de pagamento de pensão. Se este não for o seu caso, apenas vá para a próxima página;
    Imposto de Renda
  9. A próxima tela pede a inclusão dos rendimentos, no qual você deve adicionar seu informe de rendimentos retirado com a empresa até o ultimo dia de fevereiro de 2020. Se possuir mais de um emprego, basta clicar em “inserir novo”. Se houver dependentes, também é necessário incluir o rendimento destes;
    Imposto de Renda
  10. Em seguida, é necessário adicionar os rendimentos não tributáveis, ou seja, aqueles dos quais não são cobrados impostos, como heranças e bolsas de estudos;
    Imposto de Renda
  11. A tabela de imposto retido que aparecerá em seguida é preenchida de forma automática pelo sistema, mas é possível adicionar impostos pagos no exterior, por exemplo;
    Imposto de Renda
  12. No próximo item de pagamentos, o contribuindo deve adicionar seus gastos com saúde, educação, seguro, previdência e outros;
    Imposto de Renda
  13. Em seguida, inclua seus bens como imóveis e veículos, mantendo o valor com o qual o bem foi adquirido;
    Imposto de Renda
  14. A última etapa é para revisar os dados adicionados. Lembre-se de conferir com cuidado!
    Imposto de Renda
  15. Se os dados estiverem corretos, finalize a operação e aguarde a confirmação de recebimento pelo e-mail.

Caso você não esteja seguro para fazer a declaração sozinho, você pode contratar um contador particular ou uma empresa de contabilidade para fazer o processo por você.

Alíquotas

restituição imposto de rendaAs alíquotas são calculadas com base no salário mensal do contribuinte. Esta tabela poderá sofrer alteração em 2020, mas no momento, ela segue os seguintes valores:

  • Até R$1903,98: isento
  • Entre R$1903,99 e R$ 2826,65: 7,5%
  • Entre R$2826,66 e R$3751,05: 15%
  • Entre R$3751,06 e R$4664,68: 22,5%
  • Valores acima de R$4664,68: 27,5%

 

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Como Declarar Imposto de Renda 2020

Deixe um comentário